quinta-feira, 27 de julho de 2017

Augusto Cury: «É necessário que os pais criem pontes com os filhos»

http://silenciosquefalam.blogspot.pt/2017/06/entrevista-augusto-cury.html
É necessário que os pais criem pontes com os filhos, jamais permitindo que estes se isolem em suas ilhas emocionais. Nós precisamos ensinar as nossas crianças a desenvolver uma autoestima elevada, uma autoimagem saudável, que aprendam a se enxergar e a se amar, valorizando-se.

Augusto Cury em entrevista (aqui) a este blogue.

Seis novos romances para boas horas de leitura

Domina, de L. S. Hilton
A Revolta dos Anjos, de Anatole France
A Árvore das Mentiras, de Frances Hardinge

Benjamim, de Chico Buarque
A Revolta dos Anjos, de Anatole France
Sonata a Gustav, de Rose Tremain

«Origem», o novo livro de Dan Brown

Origem é o título do novo livro de Dan Brown que chegará a 3 de Outubro às livrarias de todo o mundo e, claro, a Portugal.
Com 200 milhões de exemplares de livros impressos em todo o mundo, com tradução para 56 línguas, Dan Brown é o autor de thrillers mais popular globalmente.
Dan Brown é autor de seis livros que conquistaram o nº 1 dos tops internacionais: O Código da Vinci, Anjos e Demónios, Símbolo Perdido, A Conspiração, Fortaleza Digital e Inferno. Todos publicados por cá pela Bertrand Editora.

Texto sinóptico
Bilbau, Espanha.
Robert Langdon, professor de simbologia e iconologia religiosa da universidade de Harvard, chega ao ultramoderno Museu Guggenheim de Bilbau para assistir a um grandioso anúncio: a revelação da descoberta que «mudará para sempre o rosto da ciência.» O anfitrião dessa noite é Edmond Kirsch, bilionário e futurista de quarenta e dois anos cujas espantosas invenções de alta tecnologia e audazes previsões fizeram dele uma figura de renome a nível global.

Kirsch, um dos primeiros alunos de Langdon em Harvard, duas décadas atrás, está prestes a revelar um incrível avanço científico… que irá responder a duas das perguntas mais fundamentais da existência humana. No início da noite, Langdon e várias centenas de outros convidados ficam fascinados com a apresentação tão original de Kirsch, e Langdon percebe que o anúncio do amigo será muito mais controverso do que ele imaginava. Mas aquela noite tão meticulosamente orquestrada não tardará a transformar-se num caos e a preciosa descoberta do futurista pode muito bem estar em vias de se perder para sempre.

Em pleno turbilhão de emoções e em perigo iminente, Langdon tenta desesperadamente fugir de Bilbau. Tem ao seu lado Ambra Vidal, a elegante diretora do Guggenheim que trabalhou com Kirsch na organização daquele provocador evento. Juntos, fogem para Barcelona, com a perigosa missão de localizarem a palavra-passe que os ajudará a desvendar o segredo de Kirsch.

Percorrendo os escuros corredores de história oculta e religião extremista, Langdon e Vidal têm de fugir de um inimigo atormentado que parece tudo saber e que parece até de alguma forma relacionado com o Palácio Real de Espanha… e que fará qualquer coisa para silenciar para sempre Edmond Kirsch.

Numa viagem marcada pela arte moderna e por símbolos enigmáticos, Langdon e Vidal vão descobrindo as pistas que acabarão por conduzi-los à chocante descoberta de Kirsch… e a uma verdade que até então nos tem escapado e que nos deixará sem fôlego.

Diogo Telles Correia: «Vivem-se duas grandes formas de encarar a doença mental hoje em dia»

http://silenciosquefalam.blogspot.pt/2017/05/entrevista-diogo-telles-correia.html
Vivem-se duas grandes formas de encarar a doença mental hoje em dia. A primeira é não falar dela. É uma atitude fácil, esconder que sofremos ou que temos pessoas que sofrem psiquicamente na nossa família. Condiz com a superficialidade da sociedade de consumo que vivemos... A outra forma é tornar o padecer mental, presa fácil de todas as panaceias que se vão desenvolvendo numa sociedade onde há dificuldades em lidar com os assuntos complexos. A saúde e a doença mental são questões complexas. Devem ser abordadas por pessoas com muita formação e experiência.
Diogo Telles Correia em entrevista (aqui) a este blogue.
 

quarta-feira, 26 de julho de 2017

Passatempo: Livro + Relógio POLICE

https://www.facebook.com/silenciosquefalam/photos/a.187362988008873.45353.178784915533347/1439126306165862/?type=3&theater
Este passatempo conta com o apoio da POLICE Relógios & Acessórios e da Editora Companhia das Letras.

O vencedor ou vencedora receberá um exemplar do livro Viagem ao Sonho Americano, de Isabel Lucas, e um relógio masculino POLICE modelo Matchcord.

Matchcord é o grande destaque da POLICE para este Verão. A um primeiro olhar fascina pelo carácter audaz e robusto, numa atitude claramente urbana e comprometida com um estilo de vida livre de medos - pronto para todos os desafios.

Um olhar mais atento começa a descobrir detalhes únicos, como os três indicadores multifunções, onde o dia da semana, do mês e das 24 horas assumem um valor também estético. Os ponteiros desportivos e os índices gráficos recortados estão sobrepostos a um fundo do mostrador azul com listas diagonais, características que lhe conferem várias camadas de profundidade e também movimento.

Na bracelete em poliuretano, dois cabos de aço reforçam o look de um homem seguro. Com caixa em aço de cor cobre, não engana em nada e mesmo na dimensão, é um POLICE.

Disponível nas principais relojoarias do país (169 euros).


O passatempo decorre até ao dia 5 de Agosto, na página deste blogue no Facebook. Clica aqui e sabe como podes te habilitar a receber de forma gratuita estes dois fantásticos prémios.

sexta-feira, 21 de julho de 2017

Passatempo: «Terapia de Bem-Estar – Psicoterapia breve para o bem-estar psicológico», de Giovanni A. Fava

https://www.facebook.com/silenciosquefalam/photos/a.187362988008873.45353.178784915533347/1434088533336306/?type=3&theater
A editora PACTOR acaba de disponibilizar a primeira tradução em português do livro Terapia de Bem-Estar – Psicoterapia breve para o bem-estar psicológico, da autoria do psiquiatra italiano Giovanni A. Fava.

Este é um livro explicativo e conciso que aborda uma nova técnica de curta duração para tratar perturbações do foro psicológico sem recurso a medicamentos.

A Terapia de Bem-Estar (TBE) é uma técnica psicoterapêutica inovadora que baseia-se numa ligação entre o corpo e a mente.

Todos os que têm interesse em conhecer este novo tratamento são convidados a participar neste passatempo, que tem o apoio da PACTOR. 

Clica aqui e sabe como podes te habilitar a receber um exemplar de forma gratuita.

A história do sexo em BD, da autoria de psiquiatra francês

História do Sexo
História da Sexualidade Ocidental em BD
Sobre o livro
Temos a impressão de que a sexualidade é omnipresente. Contudo, quem sabe o que é e de onde vem? Quem a compreende verdadeiramente?
Este importante aspecto da vida dos seres humanos é muitas vezes descurado no ensino, mesmo a um nível superior. Foi por essa razão que o antropólogo e sexólogo Philippe Brenot nos quis contar esta história apaixonante. Igualmente para nos mostrar que a sexualidade não é apenas um fenómeno natural, mas também uma realidade cultural que se foi forjando ao longo da História.

Ao ler esta história da sexualidade em banda desenhada vai aprender muitas coisas: por exemplo, que Cleópatra inventou o vibrador e que a invenção do microscópio, de autoria holandesa, levou à diabolização da masturbação…

Os autores
Philippe Brenot é psiquiatra e terapeuta de casal. Lecciona na Universidade Paris-Descartes e é presidente do Observatório Internacional do Casal. 
Laetitia Coryn é uma jovem ilustradora de enorme talento. 

Nova publicação PACTOR: «Terapia de Bem-Estar - Psicoterapia breve para o bem-estar psicológico»


A editora PACTOR acaba de publicar a obra Terapia de Bem-Estar – Psicoterapia breve para o bem-estar psicológico, da autoria do conceituado psiquiatra italiano Giovanni A. Fava.

O livro
A Terapia de Bem-Estar (TBE) é uma técnica psicoterapêutica inovadora que vai ser implementada em Portugal. Um método de curta duração e que não recorre ao uso de fármacos, centrando-se na auto-observação e interação entre o paciente e o terapeuta.

Esta terapia revolucionária, nomeadamente como alguns dos sintomas de doenças na maior parte dos casos é provocada pela nossa mente, pela forma como estamos e vivemos.

A Terapia de Bem-Estar é uma terapia diferente das que são aplicadas atualmente, em Portugal, pois foca-se em seis domínios do funcionamento pessoal: controlo ambiental, crescimento pessoal, propósito de vida, autonomia, autoaceitação e relações positivas com os outros. Baseia-se assim numa ligação entre o corpo e a mente, numa conexão que se prende pela maneira como nos sentimos, que tem como propósito alcançar o equilíbrio pessoal.

Publicada em cinco idiomas, a obra destinada a psiquiatras, psicólogos, terapeutas e a outros profissionais dentro do campo da medicina como, por exemplo, medicina familiar, pediatria e reabilitação e, também, a todos os que têm interesse em aprofundar um pouco mais o seu conhecimento sobre este novo tratamento, fica agora também disponível em língua portuguesa.

Terapia de bem-Estar - Psicoterapia breve para o bem-estar psicológico contou com a revisão técnica de António Barbosa, Professor Catedrático de Psiquiatria da Faculdade de Medicina da Universidade de Lisboa e coordenador do Núcleo de Psiquiatria de Ligação do Serviço de Psiquiatria e Saúde Mental do Centro Hospitalar Lisboa Norte, EPE.

Dividida em três partes - Desenvolvimento, Programa de oito sessões de terapia de bem-estar e Aplicações, abrange no total 21 capítulos:
• História • O Estudante de Filosofia e a Procura de Estratégias para Aumentar/Melhorar o Bem-Estar • Processo de Validação da Terapia de Bem-Estar • Avaliação Inicial • Sessão 1 – 8 • Programa de 4 Sessões • Depressão • Mudanças de Humor • Perturbação de Ansiedade Generalizada • Pânico e Agorafobia • Perturbação de Stress Pós-Traumático • Crianças e Adolescentes • Nova Direções • O Futuro.

O autor
Giovanni Andrea Fava é Professor de Psicologia Clínica na Universidade de Bolonha e Professor Clínico de Psiquiatria na Universidade Estadual de Nova Iorque, em Buffalo. É editor-chefe da prestigiada revista Psychotherapy and Psychosomatics E autor de mais de 500 artigos científicos, tendo realizado pesquisas inovadoras em vários campos.