sexta-feira, 29 de agosto de 2014

«À Descoberta da Sua Assinatura de Alma», de Panache Desai

Editora: Self
Data Publicação: Julho 2014
N.º de Páginas: 224

Não devemos encobrir os nossos estados emocionais mais sombrios, como o medo e a raiva, quando estamos a vivenciar uma fase mais conturbada da vida; quando nos deparamos com percalços e barreiras no nosso caminho existencial deixemos “fluir” as emoções negativistas que nesses acontecimentos estão inerentes (tristeza, revolta, rancor, vingança, etc.); ao remarmos contra a maré de sentimentos que baixam a nossa auto-estima está o ser humano a vestir uma capa protectora, uma armadura temporária, e não a expulsar esses sentimentos dolorosos da sua vida. Estas são algumas das directrizes que fundamentam as ideias visionárias, no campo do Desenvolvimento Pessoal, de Panache Desai, professor espiritual a viver na América, e autor de À Descoberta da Sua Assinatura de Alma — seu primeiro livro.
Um programa de 33 dias para desvendar o porquê da vinda de cada ser humano ao planeta Terra, é o que propõe Panache aos leitores que no seu destino calhe ler este livro. Todos têm desafios de vida estipulados para o seu crescimento espiritual desde o nascimento, afirma o autor. As primeiras páginas de Discovering Your Soul Signature (título original) são lidas com algum cepticismo, dada a radicalidade das ideias sobre como pensar e agir quando queremos suprimir momentos mais vulneráveis e dolorosos que surgem. As Afirmações Positivas de Louise L. Hay, que os leitores habituais deste género literário conhecem, e praticam, poderão ser postas em causa com afirmações de Panache Desai vindas neste livro, como: «A raiva é uma ótima energia (…) deixe-a fluir», «a tristeza é um milagre», «A capacidade de estar triste é uma bênção». No fundo, a premissa das mensagens que o autor partilha, fruto da sua aprendizagem e experiência pessoal difíceis — teve que lidar com dependências com o álcool, drogas e foi vítima de assédio e maus-tratos quando criança — é que apreciemos o que sentimos em cada exacto momento, seja ele ódio ou alegria. Tudo é passageiro, transitório; tiremos uma lição do que, aparentemente, nos destrói. «Quando reprimimos as emoções (…) seja o que for que estejamos a negar acumula peso (…) densidade vibracional
Medo, Tristeza, Raiva, Culpa e Vergonha são os temas que nos primeiros cinco dias/capítulos, Desai considera serem os fundamentais para que os leitores, com a prática das suas ideologias pioneiras, comecem a sentir «desintoxicação de densidade» e mudanças positivas em áreas como a saúde, dinheiro e relacionamentos.
À Descoberta da Sua Assinatura de Alma é um livro que reforça a ideia de que quanto mais tentamos controlar a vida, mais a vida se fecha à nossa volta. Panache Desai, que busca inspiração nas filosofias de autores de renome mundial como James Redfield e Neale Donald Walsch, consegue, de forma simples e objectiva, prender o nosso interesse ao longo dos 33 dias/capítulos, fazendo-nos reflectir de forma pouco habitual à que vem na extrema maioria de outros livros. É, portanto, um livro para ler e para passar a sua Mensagem.


Excerto
«No decurso do seu dia, empenhe-se em criar momentos de nada, momentos de silêncio, de ociosidade, na sua experiência. Dê à sua mais profunda intuição um espaço no qual lhe falar. Pare de dar à língua. Comece a escutar. Só por hoje, prometa a si próprio que tirará um minuto para nada fazer (…)» (p. 177)

4 comentários:

Fátima Martinho disse...

este livro será a minha próxima leitura

Patricia Campos disse...

Este livro parece interessante! :D

Margarida RF disse...

Fique com muita vontade de ler este livro!!!

Armindo Silva disse...

É muito interessante a temática deste livro gostava imenso de ler deve ser esclarecedor.